RJ – (21) 2515 – 4521 . SP – (011) 3192 5616

A ALTA – América Latina Telecomunicações Avançadas S/A – é uma empresa especializada na prestação de Serviços de Telecomunicações e Informática para o mercado corporativo, Operadoras de Telecomunicações e Data Center;
– A ALTA TELECOM atua no mercado TIC desde 1998. Oferece serviços de colocation em seu Data Center instalado no 19º andar do Teleporto e ainda desenvolve Projetos Especiais Customizados de TI, comunicação de Voz, Dados e Vídeo;
– É uma empresa voltada a prover serviços de outsourcing de infraestrutura de TI e telecomunicações para o mercado corporativo e de provedores de serviço.

Sua equipe do Teleporto formada por engenheiros e técnicos, utiliza como ferramenta, entre outras, softwares que gerenciam full-time a infraestrutura oferecida, objetivando total segurança da operação dos seus Clientes.

Os Clientes com POP no Data Center da ALTA tem ao seu dispor uma das mais completas infraestruturas de Internet Data Center com a presença das maiores operadoras de Telecom do Brasil disponibilizando a melhor conectividade e qualidade de banda do mercado contando ainda com o desenvolvimento de Projetos Especiais de comunicações e TI.
A grande quantidade de redes de fibra ótica complementadas pelo Parque de Antenas no topo do edifício é elemento facilitador para o acesso à periferia do Rio de Janeiro, interior do estado e rede mundial.

De acordo com Paulo Baiseredo, gerente da Alta, as características do Edifício são determinantes para a sedimentação no endereço dos negócios de telecomunicações. “Por ser um empreendimento projetado para este fim, fomenta a nossa atuação na disponibilização aos nossos clientes de uma das mais completas infraestruturas de Telecom, onde estão presentes as maiores operadoras e ainda diversos provedores de acesso. Indiscutivelmente fatores de relevada importância para novas fronteiras de negócios do segmento”, explica o gerente.

Para ele, o Teleporto tem se mantido atualizado e moderno e tem melhorado bastante com a gestão voltada para a qualidade dos serviços. “Sem dúvida, as melhorias implementadas contribuem para a competitividade do empreendimento. No entanto, a aplicação do PDCA e outras ferramentas para melhoria da qualidade deve ser constante”, afirma Paulo.

Leia Também: